quinta-feira, 3 de julho de 2008

Uma inesperada invasão...

... de paz de espírito.

Realmente, o ser humano é uma entidade complexa e idiossincrásica! Reage aos estímulos, ora de forma expectável, ora de forma perfeitamente inesperada. Talvez a essência não resida na análise e classificação da reacção inicial, seja ela de que índole for, mas no tempo que a mesma ocupa dentro de nós. É (muito!) bom constatar que o meu tempo de metamorfose é cada vez menor.

É possível que este texto não seja das coisas mais claras que aqui escrevi, mas é seguramente um dos que me deu mais prazer.

Sem comentários: